Dicas

Código de Ética: Corretor de imóveis

Ética é conjunto de regras e preceitos de valor moral de um indivíduo, de um grupo social ou de uma sociedade. Ela serve para direcionar a conduta humana e manter um equilíbrio, para que ninguém saia prejudicado. A palavra provém do grego “ethos”, que significa “caráter, modo de ser”.  Mas, além de garantir esse equilíbrio na sociedade, ela também é aplicada nas profissões e hoje iremos abordar código de ética dos corretores de imóveis.

Os profissionais que seguem um código de ética, são norteados por regras que visam garantir a boa conduta. Como por exemplo a competência, eficácia, execução e alcance de bons resultados. Para o corretor imobiliário não é diferente. Esses profissionais são regulamentados pela Lei 6.530/78.

 

Quais são os pontos importantes no código de ética dos corretores de imóveis?

código-de-ética-banner-permutando-

 

O Código de Ética dos Corretores de Imóveis foi aprovado pela Resolução-COFECI (Conselho Federal de Corretores de Imóveis) Nº 326/92. Esta resolução dita diversas regras no relacionamento dos corretores com outros corretores, com seu ramo e, claro, com os seus clientes. Eles também possuem respaldo pelo Código Civil e pelo Código de Defesa do Consumidor.

 

Todas as regras visam garantir a boa conduta do profissional e também na mediação dos seus negócios. Afinal, esses profissionais prestam um serviço de importância para a sociedade e também auxiliam nos resultados da economia do país. Além de lidar com financeiro, a profissão trabalha com os sonhos e as vezes, o projeto de uma vida inteira.

O Código de Ética dos Corretores é dividido em dez artigos que abordam o comportamento adequado e ético praticados no mercado imobiliário. Confira a seguir:

 

Objetivo do Código

O primeiro artigo do código de ética fala sobre o corretor conhecer todas as circunstâncias do negócio, antes negociá-lo. Logo, faz-se necessário seguir o código de ética que rege a conduta de todos esses profissionais do mercado imobiliário.

 

Conduta

Os dois artigos citam os deveres dos corretores de imóveis e o que devem ter em qualquer tipo de relação dentro dessa profissão. Como por exemplo, clientes, colegas e classe de profissionais.

Algumas regras citadas são: defender interesses do cliente, manter o prestígio da profissão, manter contato continuo com o Conselho Regional. Além de exercer a profissão com cuidado e discrição, ser leal e honesto e jamais se manifestar sobre os colegas de maneira irresponsável.

 

Relação Corretor-Cliente

Neste artigo o corretor é ensinado a ter total conhecimento sobre todos os negócios que intermediar. E também nunca omitir informações de seus clientes, incluindo informações sobre riscos e que possam comprometer o negócio.

O artigo também proíbe o corretor imobiliário de participar de qualquer negócio ilegal, injusto ou imoral. Além disso, trata de assuntos como recebimento da comissão e sobre documentos necessários para os negócios serem executados sem riscos.

 

Responsabilidade Civil e Penal

O artigo trata sobre o corretor também ser regido pela constituição, podendo responder civil e penalmente se causar prejuízos comprovados ao cliente.

 

Portanto, para dicas e informações sobre o mercado imobiliário continue acessando o Central do Corretor ou acesse o Blog do Permutando!

Quer receber notícias como essa no seu e-mail? Cadastre abaixo e aproveite:

Comentários